21°C 29°C
Plácido de Castro, AC
Publicidade

Deputados concluem votação de projeto que prorroga subsídios para microgeração de energia; acompanhe

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados Presidente da Câmara, Arthur Lira (C), comanda a sessão do Plenário A Câmara dos Deputados concluiu a votaçã...

06/12/2022 às 18h15
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Compartilhe:
Presidente da Câmara, Arthur Lira (C), comanda a sessão do Plenário - (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)
Presidente da Câmara, Arthur Lira (C), comanda a sessão do Plenário - (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)

A Câmara dos Deputados concluiu a votação do Projeto de Lei 2703/22, que prorroga por mais seis meses o prazo final para a instalação de microgeradores e minigeradores de energia fotovoltaica com isenção de taxas pelo uso da rede de distribuição para jogar a energia elétrica na rede. Essa isenção vai até 2045. A proposta será enviada ao Senado.

Foi aprovado o substitutivo do relator, deputado Beto Pereira (PSDB-MS), para o projeto do deputado Celso Russomanno (Republicanos-SP). Segundo o texto, nessa isenção são enquadradas as pequenas centrais hidrelétricas com geração de até 30 MW no conceito de minigeração, permitindo o usufruto da isenção da taxa de fio (TUSD B).

Beto Pereira propõe ainda que parte dos 2.500 MW da energia prevista para ser gerada a partir de gás natural no Centro-Oeste, no âmbito das condições para privatização da Eletrobras, seja gerada por novas pequenas centrais hidrelétricas, com a contratação realizada em 2023.

Destaques
Na votação dos destaques apresentados pelos partidos na tentativa de mudar trechos do texto, os deputados aprovaram dois deles. O primeiro, apresentado pelo Republicanos, manteve na Lei 14.300/22 a redução de parte das tarifas prevista para viger até 2028 quando um único titular do empreendimento de minigeração detiver 25% ou mais de participação no excedente de energia. O texto de Pereira pretendia tornar essa redução permanente.

O outro destaque aprovado, do Psol, também manteve na lei a proibição de transferência do controle do empreendimento de microgeração ou minigeração distribuída antes da vistoria do ponto de conexão para a distribuidora.

O Plenário rejeitou os demais destaques. Confira:

- destaque do Novo pretendia excluir as pequenas hidrelétricas do benefício de isenção das taxas de fio;

- destaque do PT pretendia excluir o prazo maior de 12 meses para a isenção de tarifa de fio concedida para as pequenas centrais hidrelétricas; e

- destaque do PCdoB pretendia excluir o aumento em um ano de todas as faixas de transição do pagamento proporcional da taxa de fio para geradoras que entrarem no sistema depois do prazo prorrogado pelo projeto.

Mais informações em instantes

Assista ao vivo

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Plácido de Castro, AC
22°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 29°

23° Sensação
1.23km/h Vento
96% Umidade
96% (11.24mm) Chance de chuva
07h24 Nascer do sol
07h58 Pôr do sol
Seg 23° 21°
Ter 26° 21°
Qua 27° 21°
Qui 31° 21°
Sex 32° 22°
Atualizado às 10h25
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,11 -0,06%
Euro
R$ 5,55 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,03 +0,12%
Bitcoin
R$ 127,396,85 +1,56%
Ibovespa
112,316,16 pts -1.63%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade