21°C 29°C
Plácido de Castro, AC
Publicidade

Especialista alerta para cuidados com a saúde mental no ambiente de trabalho

Ansiedade, síndrome do pensamento acelerado, medo, são doenças que podem ser desenvolvidas no ambiente de trabalho.

24/01/2023 às 09h55 Atualizada em 24/01/2023 às 11h44
Por: Redação Fonte: G1
Compartilhe:
Ansiedade, síndrome do pensamento acelerado, medo, insegurança dentre outras doenças mentais podem ser desenvolvidas no ambiente de trabalho. — Foto: Nik Shuliahin on Unsplash
Ansiedade, síndrome do pensamento acelerado, medo, insegurança dentre outras doenças mentais podem ser desenvolvidas no ambiente de trabalho. — Foto: Nik Shuliahin on Unsplash

Metas diárias, relatórios, retorno ao local de trabalho após dois anos de pandemia e notícias de demissões em massa, assusta trabalhadores de todo o mundo.

Uma psicóloga ouvida pelo g1 explica que com a soma desses problemas causam pressão nos trabalhadores e é possível que a partir disso, a pessoa desenvolva transtornos mentais dentro do ambiente de trabalho comoansiedade, síndrome do pensamento acelerado, medo, insegurança dentre outras doenças.

De acordo com a psicóloga Marcela Brito, os cuidados necessários durante o período de isolamento, nos dois primeiros anos de pandemia, desencadearam em algumas pessoas, muitos sentimentos e transtornos que, até então, não eram tão conhecidos na sociedade.

Com o retorno gradual ao ambiente de trabalho, pontua a especialista, é preciso reconhecer formas de se conectar ao local.

“Hoje, a gente precisa lidar cada vez mais com as questões emocionais. Uma frase como: “quem tiver seu emprego, que segura”, causa uma pressão no colaborador. Além da pressão, pode gerar medo e alterar na questão emocional. Depois da pandemia, de tudo o que vivemos, mudanças, das partes emocionais que ficaram mais expostas, muitas pessoas podem ter desencadeado gatilhos”.

Reconhecer esses “gatilhos”, explica a psicóloga, é uma forma de iniciar o tratamento, mas é também, um cuidado que as empresas precisam ter com seus colaboradores.

“Essa pessoa pode sentir que no instante em que seu líder a chamar, será para anunciar o seu desligamento. Diante desse sentimento, que é constante, é necessário que essa pessoa, para dar conta dessa situação, busque ajuda profissional”, explica.

Identificar o momento em que os sentimentos como: pressão, medo, aflição, insegurança ou ansiedade, chegam, ajuda no desenvolvimento do autoconhecimento, que pode ser o principal aliado do trabalhador.

É um momento em que o profissional pode se conhecer melhor. Esse colaborador pode se questionar se esse é esse o local de trabalho que ele quer ficar. Fazer exercícios físicos pode ajudar com a ansiedade e a organizar as ideias para pontuar as prioridades na vida profissional”, pontua.

Campanha janeiro branco

Desde 2014, no Brasil, o primeiro mês do ano leva o nome de 'Janeiro Branco'. A campanha busca chamar a atenção para o tema da saúde mental.

Janeiro foi escolhido, pois após as festas de final de ano, as pessoas tendem a procurar resoluções e metas para o ano.

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Plácido de Castro, AC
22°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 29°

23° Sensação
1.23km/h Vento
96% Umidade
96% (11.24mm) Chance de chuva
07h24 Nascer do sol
07h58 Pôr do sol
Seg 23° 21°
Ter 26° 21°
Qua 27° 21°
Qui 31° 21°
Sex 32° 22°
Atualizado às 10h25
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,11 -0,06%
Euro
R$ 5,55 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,03 +0,12%
Bitcoin
R$ 127,496,99 +1,63%
Ibovespa
112,316,16 pts -1.63%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade