Quarta, 17 de Agosto de 2022
34°

Poucas nuvens

Plácido de Castro - AC

Agronegócios Feira Agropecuária

Após dois anos sem Expoacre, governo anuncia 47ª edição da feira para o final de julho

Governo decidiu que vai realizar a tradicional feira agropecuária entre julho e agosto desse ano. ExpoJuruá, em Cruzeiro do Sul, também vai ocorrer entre agosto e setembro.

23/03/2022 às 08h11
Por: Agência Plácido Fonte: G1/Ac
Compartilhe:
Expoacre deve ser realizada em julho desse ano em Rio Branco — Foto: Junior Aguiar/ Secom Acre
Expoacre deve ser realizada em julho desse ano em Rio Branco — Foto: Junior Aguiar/ Secom Acre

Após dois anos suspensa por conta da pandemia de Covid-19, a maior feira agropecuária do Acre, a Expoacre, em Rio Branco, deve voltar este ano. Em reunião na tarde desta terça-feira (22), o governo estadual decidiu que a 47ª edição da Expoacre será realizada no mês de julho no Acre.

O evento começa dia 30 de julho e segue até 7 de agosto. A gestão também decidiu a data da ExpoJuruá, outra feira agropecuária que é realizada em Cruzeiro do Sul, segunda maior cidade do estado. A festa começa dia 1 e termina dia 4 de setembro.

O governo informou que as feiras serão realizadas após a redução dos casos de Covid-19 no estado. “É um evento que expõe as potencialidades econômicas do Acre, movimenta setores públicos e privados, traz uma grande oportunidade de negócios e promove a geração de emprego e renda. Já é uma tradição no calendário do Acre e conta com a participação da sociedade, além de trazer visitantes de outros estados e de países vizinhos como o Peru e a Bolívia”, defendeu a diretora técnica da Secretaria de Empreendedorismo e Turismo (Seet), Taiane Belarmino.

Em 2020, a tradicional feira não aconteceu por conta da pandemia. O governo chegou a cogitar a realização do evento de forma on-line, mas a ideia não foi para frente. Na época, foi informado que a Expoacre só poderia acontecer quando o estado estivesse na fase verde de classificação de risco da pandemia.

Já em 2021, a ex-secretária de Empreendedorismo e Turismo, Eliane Sinhasique, tinha anunciado o evento com previsão para ocorrer entre o final do mês de outubro e início de novembro, com shows nacionais e Cavalgada para abertura. Contudo, após receber pareceres da Secretaria de Saúde (Sesacre) e do Comitê de Enfrentamento ao Covid, o governo do Acre voltou atrás e decidiu que não vai realizar o evento.

Expectativa de público

Ainda segundo o governo, a expectativa é que 25 a 30 mil pessoas passem pela feira de Rio Branco diariamente. O orçamento para a realização da feira não foi definido, mas a equipe governamental espera que o evento arrecade um maior ou igual ao que foi arrecadado em 2019, que foi R$ 74 milhões.

Cerca de 200 mil pessoas passaram pela tradicional feira naquele ano em nove noite de evento.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.