Quarta, 17 de Agosto de 2022
34°

Poucas nuvens

Plácido de Castro - AC

Polícia Amor bandido

Casal que matou homem a facadas com apoio do filho é preso pela Polícia Civil

Mandados de prisão foram cumpridos na quarta-feira, 3, em Rio Branco

04/08/2022 às 19h07
Por: Agência Plácido Fonte: A Gazeta do Acre
Compartilhe:
Corpo foi levado pela perícia ao IML de Rio Branco (Foto: Lidson Almeida/Rede Amazônica Acre) A
Corpo foi levado pela perícia ao IML de Rio Branco (Foto: Lidson Almeida/Rede Amazônica Acre) A

A Polícia Civil do Acre (PCAC) prendeu na última quarta-feira, 3, um casal acusado de assassinar Alexandre Rocha da Silva, de 26 anos, que foi encontrado morto, no dia 5 de outubro de 2018, no Ramal do Pica-Pau, no Segundo Distrito de Rio Branco. Ele foi assassinado com duas facadas no tórax e uma no pescoço.

Segundo a polícia, as prisões – efetuadas pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) – foram feitas mediante mandado de prisão, expedidos pela 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Rio Branco.

À época dos fatos, os dois conviviam maritalmente, e em parceria com F. C. (filho de M. A. P. B) e um adolescente, mataram a vítima próximo da residência em que moravam.

Ainda segundo a polícia, o casal chegou a ser preso, preventivamente, assim como o filho da acusada, e, assim, aguardaram o julgamento custodiados no Presídio Francisco de Oliveira Conde – FOC. Porém, no primeiro momento, somente F. C. e o adolescente receberam sentença e medida socioeducativa, respectivamente, sendo que o julgamento recente foi possível, após o Ministério Público recorrer da primeira decisão.

A motivação do homicídio se deu pelo fato de Alexandre, que supostamente praticava roubos, de forma assídua, ter se recusado a dividir os objetos/valores que havia roubado no dia anterior. Diante disso, iniciou-se uma discussão, seguida de vias de fato, entre a vítima e M. A. P. B.. Logo, o marido e filho “tomaram as dores”, intervindo e tirando a vida de Alexandre, que foi ferido a golpes de faca na região do tórax, abdômen e pescoço.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.