Sexta, 21 de Junho de 2024
21°C 36°C
Plácido de Castro, AC
Publicidade

No GovCast, o secretário de Saúde destaca principais ações para o fortalecimento do SUS no estado

O Sistema Único de Saúde (SUS) é o maior sistema público de saúde do mundo. Proporciona acesso gratuito, universal e integral a todos, brasileiros ...

25/05/2023 às 20h10
Por: Informativo Plácido Fonte: Secom Acre
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre

O Sistema Único de Saúde (SUS) é o maior sistema público de saúde do mundo. Proporciona acesso gratuito, universal e integral a todos, brasileiros ou não, em território nacional. Entretanto, é evidente que gerenciá-lo, em qualquer esfera (municipal, estadual e federal), é complexo e desafiador.

Por isso, no GovCast desta semana, o titular da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), Pedro Pascoal, conversou com os jornalistas, Elenilson Oliveira e Hadassa Hid sobre as principais ações que estão sendo desenvolvidas para melhorar a gestão do SUS no Acre.

Descentralizar os serviços é o ponto de partida dessa gestão, disse o secretário de Saúde, Pedro Pascoal. Foto: Júnior Aguiar/Sesacre
Descentralizar os serviços é o ponto de partida dessa gestão, disse o secretário de Saúde, Pedro Pascoal. Foto: Júnior Aguiar/Sesacre

Já no primeiro bloco, o secretário explicou como está o fluxo de atendimento na capital e no interior do estado, organizando o atendimento da média e da alta complexidade. “A descentralização é um dos pontos principais em nossa gestão. Estamos estruturando as regionais, para levar assistência qualificada e especializada para a região do Juruá e do Alto Acre, por exemplo”, disse.

Opera Acre

Oferecer qualidade de vida aos pacientes que buscam atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e zerar as filas de espera são prioridades da atual gestão do governo do Acre. Prova disso é que mais de 2.800 cirurgias, entre eletivas e de diversas especialidades, já foram realizadas só nos primeiros cem dias do ano.

Mais de 2.800 foram realizadas só nos cem primeiros dias de governo. Foto: Odair Leal/Sesacre
Mais de 2.800 foram realizadas só nos cem primeiros dias de governo. Foto: Odair Leal/Sesacre

“Nosso governador pediu para que esse plano de sucesso não se extinguisse. Nós conseguimos estruturar as regionais para que o paciente seja operado no local de residência e não tenha que se deslocar para Rio Branco. São grandes os investimentos para diminuir as filas de espera por cirurgia”, afirmou.

Ampliação de leitos do Pronto-Socorro e Residência Médica

Para fortalecer o enfrentamento às síndromes gripais e respiratórias, incluindo o vírus influenza A e B, vírus sincicial, e demais doenças, o governo abriu, este ano, mais 30 leitos no Pronto-Socorro de Rio Branco.

O secretário de Saúde, Pedro Pascoal. Foto: Júnior Aguiar/Sesacre
O secretário de Saúde, Pedro Pascoal. Foto: Júnior Aguiar/Sesacre

“Além dessa ampliação, nós estamos tendo um apoio com a reativação da residência médica dentro do Pronto-Socorro. Anteriormente, os residentes em clínica médica não passavam nos setores de emergência clínica e nem na observação. Hoje, nos possuímos, além dos médicos que estão na escala, os residentes, que estão em fase de treinamento”, explicou.

Saúde Indígena

Sobre a saúde dos povos indígenas, este ano o governo do Acre realizou, em Cruzeiro do Sul, a primeira edição do atendimento voltado à população indígena, onde foram realizados 1.137 procedimentos. “Com a população indígena o atendimento tem que ser um pouco mais sensível. Envolve toda uma logística, um planejamento, uma organização para que a ação tenha sucesso”, esclareceu.

Vacinas salvam vidas

O secretário enfatizou, ainda, a importância da prevenção de doenças, por meio das vacinas. “O câncer de colo do útero pode ser prevenido por meio da vacina. Nós tivemos movimentos na Região Norte que foram desfavoráveis à vacina do HPV, por exemplo. O índice de prevenção é maior do que os efeitos colaterais”, afirmou.

A finalidade das vacinas é impossibilitar o retorno e o agravamento de doenças anteriormente já erradicadas, como poliomielite, rubéola, tétano e coqueluche. Foto: Júnior Aguiar/Sesacre
A finalidade das vacinas é impossibilitar o retorno e o agravamento de doenças anteriormente já erradicadas, como poliomielite, rubéola, tétano e coqueluche. Foto: Júnior Aguiar/Sesacre

O GovCast é uma realização da Secretaria de Estado de Comunicação (Secom). É transmitido em cadeia pelo Sistema Público de Comunicação, por meio da Rádio Aldeia FM e Rádio Difusora, e nas redes sociais do governo do Acre.

Para conferir a entrevista completa é só acessar o canal do governo do Acre no YouTube.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Plácido de Castro, AC
25°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 36°

25° Sensação
0.35km/h Vento
68% Umidade
48% (0.55mm) Chance de chuva
07h45 Nascer do sol
07h16 Pôr do sol
Sáb 37° 22°
Dom 36° 21°
Seg 38° 24°
Ter 36° 26°
Qua 35° 24°
Atualizado às 00h04
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 -0,04%
Euro
R$ 5,84 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,54%
Bitcoin
R$ 371,737,09 -1,20%
Ibovespa
120,445,91 pts 0.15%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade