Sexta, 21 de Junho de 2024
21°C 36°C
Plácido de Castro, AC
Publicidade

Golpistas usam botão “perigoso” do WhatsApp para limpar contas bancárias

Novo golpe no mensageiro utiliza função que era para facilitar a vida das pessoas.

07/05/2024 às 07h53
Por: Informativo Plácido Fonte: Edital Concursos Brasil
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Edital Concursos Brasil
Foto: Reprodução/Edital Concursos Brasil

WhatsApp é um excelente aplicativo para enviar mensagens, fotos, vídeos, links, documentos e outros arquivos de maneira rápida. Apesar de sua popularidade no Brasil, o número de golpes envolvendo o mensageiro tem crescido exponencialmente nos últimos anos.

O mais recente envolve o botão de compartilhamento de tela, que inicialmente pode parecer inofensivo, mas, na verdade, esconde um grande risco aos seus dados bancários. A armadilha desta vez está disfarçada de suporte técnico.

Novo golpe do WhatsApp para roubar dados bancários

novo golpe do WhatsApp está chamando a atenção de entidades bancárias que já relataram casos de roubo de dinheiro das contas de seus clientes por meio da função de compartilhamento de tela.

Funciona assim: criminosos entram em contato com o usuário por meio de videochamadas, passando-se por bancos ou marcas famosas. O motivo do contato é oferecer suporte ou algum tipo de “benefício” à vítima. Quem possui o WhatsApp Business está mais suscetível a cair nesse tipo de arapuca.

Foto: Shutterstock

Como acontecem os golpes no WhatsApp?

Para se prevenir da nova armadilha que criminosos aplicam no WhatsApp, é bom entender melhor como ela acontece na prática. Confira:

  • Bandidos entram em contato via WhatsApp se passando pelo seu banco. Geralmente eles utilizam a foto e o nome do perfil de forma idêntica. Somente o telefone será diferente.
  • Durante a conversa, os golpistas dizem que houve um “erro” com a conta bancária e que uma cobrança retida precisa ser feita.
  • A partir daí, os criminosos solicitam que o suporte seja feito por videochamada. Eles também tentarão convencer a vítima a ativar o compartilhamento de tela para identificar qual é o “suposto” problema.

Bandidos solicitam que usuários ativem a função de compartilhamento de tela durante o golpe (Foto: Reprodução)

  • Agora, vem a pior parte: assim que o cliente acessa o app do banco e digita o usuário e a senha, os criminosos gravarão a tela com todos os códigos que garantem o acesso à conta para roubar todo o dinheiro.

Ciente desse risco, é importante deixar gravado que nenhuma entidade bancária solicita os dados de acesso aos clientes, seja por e-mail, SMS ou mesmo WhatsApp. Se receber alguma ligação suspeita, recuse-a e vá ao banco para descobrir o que de fato está acontecendo.

 

 

 

 

 

 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Plácido de Castro, AC
25°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 36°

25° Sensação
0.35km/h Vento
68% Umidade
48% (0.55mm) Chance de chuva
07h45 Nascer do sol
07h16 Pôr do sol
Sáb 37° 22°
Dom 36° 21°
Seg 38° 24°
Ter 36° 26°
Qua 35° 24°
Atualizado às 00h04
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 -0,04%
Euro
R$ 5,84 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,54%
Bitcoin
R$ 373,521,32 -0,72%
Ibovespa
120,445,91 pts 0.15%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade