Quarta, 18 de Maio de 2022
18°

Muitas nuvens

Plácido de Castro - AC

Saúde Acre

Governador fala das ações de enfrentamento à covid-19 e reforça necessidade de vacinação para superar pandemia

Em pronunciamento oficial divulgado neste sábado, 22, o governador do Acre, Gladson Cameli, voltou a alertar a população sobre o grande aumento de ...

23/01/2022 às 11h05 Atualizada em 23/01/2022 às 15h02
Por: Agência Plácido Fonte: Secom Acre
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre

Em pronunciamento oficial divulgado neste sábado, 22, o governador do Acre, Gladson Cameli, voltou a alertar a população sobre o grande aumento de casos de covid-19. Desde os primeiros dias do ano, a procura pela testagem na rede pública de saúde, assim como as internações em decorrência da doença, cresceram em todas as regiões do estado.

“Novamente, estamos atravessando um período crítico, que precisa da consciência e a participação de todos. A covid não acabou e a variante Ômicron é muito mais contagiosa, fazendo com que os postos de saúde e hospitais fiquem lotados”, afirmou o gestor.

Cameli voltou a defender a vacinação como o principal meio para superar a pandemia do novo coronavírus. O gestor apresentou números que comprovam a eficácia dos imunizantes e pediu que as pessoas não vacinadas colaborem, já que os prognósticos indicam a primeira quinzena de fevereiro como o período mais crítico desta nova onda de covid-19. Gladson confirmou ainda que o ano letivo na rede estadual de ensino só será iniciado quando o ambiente escolar oferecer segurança sanitária aos estudantes, professores e demais profissionais.

Governador Gladson Cameli pediu, em seu pronunciamento, que a população complete o ciclo vacinal contra a covid-19. Desde o início do ano, Acre enfrenta um grande aumento de casos da doença Foto: Reprodução
Governador Gladson Cameli pediu, em seu pronunciamento, que a população complete o ciclo vacinal contra a covid-19. Desde o início do ano, Acre enfrenta um grande aumento de casos da doença Foto: Reprodução

“No começo desta semana, por exemplo, das cinco pessoas que estavam na UTI, quatro não eram vacinadas. Ou seja, quem ainda não se vacinou corre muito mais riscos. Se você ainda não se vacinou ou não completou todas as doses, vacine-se. Para os pais e a criançada, um recado muito importante: a vacinação infantil já começou e as aulas na rede estadual só vão iniciar quando a grande maioria dos alunos estiver vacinada”, pontuou.

O chefe do Executivo aproveitou a oportunidade para reforçar seu compromisso em salvaguardar vidas ao prestar contas das ações que estão sendo feitas pelo governo do Estado para o atendimento à população e reiterou a necessidade de manter os cuidados básicos para evitar a proliferação do vírus.

“Mais uma vez, a vida está em primeiro lugar. De novo, o governo do Estado está fazendo a sua parte. Mantemos toda estrutura da saúde para atender todos os casos. Aumentamos o número de testes, contratamos mais profissionais e estamos intensificando as campanhas de vacinação. Faça sua parte. Continue usando máscaras em locais fechados, mantendo o distanciamento social e utilizando álcool em gel”, enfatizou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.