Terça, 09 de Agosto de 2022
31°

Pancada de chuva

Plácido de Castro - AC

Cultura Acre

Epitaciolândia e Brasileia recebem última etapa do Projeto Abraço Cultural

A cultura tem sido um dos setores no qual o governo do Acre vem investindo e incentivando o fortalecimento em todo o estado, desde a fomentação de ...

17/05/2022 às 10h11
Por: Agência Plácido Fonte: Secom Acre
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre

A cultura tem sido um dos setores no qual o governo do Acre vem investindo e incentivando o fortalecimento em todo o estado, desde a fomentação de eventos culturais, qualificação dos gestores em cultura dos municípios, melhoramento nos aparelhos culturais e incentivando os trabalhadores em cultura do Acre.

Prova disto é o Projeto Abraço Cultural, que visa alcançar os 22 municípios do Acre, levando uma efervescência cultural, focada no fortalecimento e valorização dos artistas de cada uma das cidades pelas quais o projeto percorre.

Fechando a etapa do projeto na regional Alto Acre, Epitaciolândia e Brasileia recepcionaram e foram abraçados pela ação do governo do Acre.

Em Epitaciolândia, o evento foi realizado na sexta-feira, 13, no Centro de Eventos do município, e contou com várias apresentações artísticas, inclusive com a participação do grupo de dança folclórica de Pando, Ballet Folclórico.

Grupo Ballet Folclórico de Pando. Foto: Assis Freire/FEM
Grupo Ballet Folclórico de Pando. Foto: Assis Freire/FEM

O público pôde, ainda, assistir à apresentação musical de artistas locais e de performance de dança com os grupos de zumba e juventude que dança.

No sábado, 14, foi a vez de Brasileia receber o evento, na Praça Beco da Graça, no centro da cidade.

Pelo palco do projeto passaram vários artistas da cidade, que puderam apresentar seus talentos. Enquanto as apresentações eram feitas, na parte reservada ao público o grafiteiro Luciano Abrahra mostrava seu talento, fazendo uma intervenção de grafit com a frase A cultura vive, uma menção aos obstáculos vencidos pelos artistas no mundo todo após a pandemia.

Luciano Abrahra fazendo seu grafiato. Foto: Assis Freire/FEM
Luciano Abrahra fazendo seu grafiato. Foto: Assis Freire/FEM

Os brasileenses puderam cantar e dançar com as apresentações de Maria Clara, Alisson Moraes, Loyse Alves, Alef Queiroz e Rogerlon e banda.

O grupo Axé Capoeira, de Brasileia, também abrilhantou o evento fazendo uma roda de capoeira e entoando cantigas. O Ministério de Teatro aos Pés da Cruz e a Companhia de Teatro da Fronteira garantiram ao público duas belas encenações.

Ainda no palco do projeto os grupos de dança Company Dance Fronteira e o Ballet Folclórico de Pando, Bolívia, levaram o melhor da performance da dança às pessoas presentes.

No final do evento, o público acompanhou a batalha de rap entre os MCs Ratto e Ramon.

“Que projeto fantástico o governo do Acre nos trouxe. Ficamos muito felizes em poder abrir as portas de nossa cidade para receber essa ação, que somente visa fortalecer e valorizar nossos artistas, desde os artesãos, que puderam aqui expor suas obras, até a banda de música”, parabeniza o diretor da Secretaria de Cultura de Brasileia, Allef Correia.

Diretor de Cultura do município elogiou a iniciativa do governo. Foto: Assis Freire/FEM
Diretor de Cultura do município elogiou a iniciativa do governo. Foto: Assis Freire/FEM

Quem também pôde comemorar a chegada do projeto ao município foram os vendedores ambulantes e os artesões que garantiram a venda de seus produtos.

“O governo está de parabéns por nos presentear com essa festa linda e pela sensibilidade de abrir espaços para que pudéssemos expor nossas obras. A pandemia nos prejudicou muito, e quando se tem ações como essas, elas só tendem a nos ajudar a correr atrás do prejuízo. Estou contente demais, pois estamos conseguindo vender nosso material e garantir nossa renda”, comemora a artesã Francisca Dantas.

Artesã Francisca Dantas comemorou o crescimento das vendas com o evento. Foto: Assis Freire/FEM
Artesã Francisca Dantas comemorou o crescimento das vendas com o evento. Foto: Assis Freire/FEM
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.