Domingo, 19 de Maio de 2024
21°C 34°C
Plácido de Castro, AC
Publicidade

Comissão aprova projeto que cria serviço de proteção a famílias em casos de emergência social

A proposta continua em análise na Câmara dos Deputados

16/05/2024 às 08h48
Por: Redação Fonte: Agência Câmara
Compartilhe:
Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados

A Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados aprovou projeto que cria o Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos em Situação de Emergência Social.

A relatora, deputada Laura Carneiro (PSD-RJ), apresentou substitutivo ao Projeto de Lei 562/20 , da antiga Comissão de Seguridade Social e Família, para incorporar sugestões da Secretaria Especial de Desenvolvimento Social do atual governo.

A proposta aprovada altera a Lei Orgânica da Assistência Social e deverá suprir a falta de definição legal sobre casos de emergência social e da ausência de políticas de apoio a famílias e indivíduos que tenham direitos violados em condições adversas.

Emergência social
O texto define emergência social como aquela situação imprevista que demanda atenção estatal urgente. São exemplos: os desastres, os surtos, as epidemias e as pandemias, os movimentos migratórios em razão de conflitos armados, e as crises econômicas que afetem o acesso aos mínimos existenciais.

Nos últimos anos, o Brasil deparou com situações que ensejaram a atuação imediata do Sistema Único de Assistência Social (Suas), como o movimento migratório de venezuelanos para Roraima e o rompimento da barragem em Brumadinho, em Minas Gerais.

Agora, Laura Carneiro incorporou à proposta uma definição conceitual de salvaguardas sociais. “Essas medidas constituem ações extraordinárias destinadas a prevenir e mitigar riscos sociais e preparar o Suas para enfrentar situações que possam implicar emergência social”, explicou.

Plano familiar
A proposta prevê a elaboração do Plano Familiar de Atendimento (PFA), com a participação da família ou do indivíduo, em que serão estabelecidos objetivos para reinclusão social, garantia de acesso a programas socioassistenciais e políticas públicas setoriais que contribuam para atingir aquelas metas.

A União deverá assegurar recursos adicionais ao Suas para enfrentar as situações de emergência social, considerando a expansão das despesas de caráter continuado prevista em leis orçamentárias.

Próximos passos
O projeto, que também já foi aprovado pela antiga Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia, ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania; e pelo Plenário da Câmara.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Plácido de Castro, AC
25°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 34°

26° Sensação
1.14km/h Vento
76% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h36 Nascer do sol
07h13 Pôr do sol
Seg 33° 22°
Ter 32° 19°
Qua 34° 20°
Qui 35° 24°
Sex 33° 22°
Atualizado às 07h05
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,10 +0,00%
Euro
R$ 5,56 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 362,567,39 +0,18%
Ibovespa
128,150,71 pts -0.1%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade