Domingo, 23 de Janeiro de 2022
29°

Pancada de chuva

Plácido de Castro - AC

Noticias Policiais Foragido capturado

Polícia tenta capturar preso que fugiu do PS de Rio Branco e ele acaba baleado ao jogar carro contra equipe

Mulher que estava com ele no momento do confronto com a polícia também ficou ferida com tiro. Caso ocorreu na noite desse sábado (4), no bairro Aviário.

05/12/2021 às 13h59
Por: Agência Plácido Fonte: G1/Ac
Compartilhe:
Luis Fernando Maia de Souza era procurado desde junho deste ano depois de fugir do PS de Rio Branco — Foto: Arquivo/Iapen-AC
Luis Fernando Maia de Souza era procurado desde junho deste ano depois de fugir do PS de Rio Branco — Foto: Arquivo/Iapen-AC

Um cumprimento de mandado de prisão terminou com duas pessoas feridas em confronto com a polícia, na noite desse sábado (4), no bairro Aviário, em Rio Branco.

Conforme registro de ocorrência, policiais civis tentavam recapturar o preso Luis Fernando Maia de Souza, que fugiu de dentro do Pronto Socorro de Rio Branco em junho deste ano, quando ele resolveu jogar o carro para cima do veículo usado pela equipe policial.

Para tentar conter Souza, os policiais fizeram disparos de arma de fogo contra o carro que ele dirigia. E, por fim, tanto ele, como a mulher que estava no banco de passageiro, identificada como Jhenifer Lopes do Nascimento, ficaram feridos no confronto.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e levou os dois para o PS e Souza ficou acompanhado por policiais. A direção do hospital informou que Souza está intubado, em estado considerado gravíssimo e aguardando UTI. A jovem que estava com ele e também ficou ferida, recebeu alta médica.

Em junho deste ano, o presidiário foi internado no PS após se sentir mal e ser avaliado por equipe médica. Depois de cerca de oito dias no hospital, mesmo estando acompanhado de policiais penais, ele pediu para usar o banheiro e acabou conseguindo fugir. Desde então, ele era procurado pela polícia.

Segundo o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen-AC) informou na época, a última entrada do preso no sistema penitenciário havia sido em dezembro de 2019, quando respondia pelo crime de receptação.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.